PARTIDO DA MULHER BRASILEIRA SEM RUMO EM PERNAMBUCO: Na bagunça partidária brasileira, Adalberto Cavalcanti deixa PMB e assume PTdoB

O retrato da bagunça que se transformou a questão partidária brasileira. Após ser eleito pelo PTB, ter migrado para o Partido da Mulher Brasileira (PMB) para assumir o comando da legenda no Estado, o deputado federal Adalberto Cavalcanti mudou mais uma vez de partido.

Ele será o novo presidente do PTdoB, partido que passou a ser controlado no Estado pelo companheiro de bancada Silvio Costa. Com isso, em pleno mês da mulher, o PMB passa a ter futuro incerto em Pernambuco.

A decisão de Adalberto de foi comunicada à presidente  nacional do PMB, Suéd Haidar, em reunião na quarta-feira (9). Ele passou apenas três meses no Partido da Mulher.

A justificativa do parlamentar pernambucano para a saída foi o fato de a legenda não ter conseguido preservar a sua bancada de deputados federais, na janela da infidelidade, inclusive o mínimo de cinco deputados para ter representação legislativa.

Com a ida de Adalberto Cavalcanti para o PTdoB,  o vice-líder do governo Dilma na Câmara, Silvio Costa, passou a presidência estadual da legenda para o companheiro de bancada. Silvo comandará a legenda no Recife.

E a farra do troca-troca partidário ainda está longe do fim. Até o fechamento da janela partidária, outros deputados federais e estaduais ainda devem mudar de sigla como quem troca de roupa ou até mais fácil. Exigir fidelidade às ideias defendidas pelos organismos é querer demais.

http://www3.folhape.com.br/blogdafolha/

Anúncios

Deixe um comentário

Faça o login usando um destes métodos para comentar:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s